Categorias
Sociedade

Os guardiões do universo – seres elementais

Os gnomos, as ondinas, as salamandras e os silfos nos ajudam a realizar nossos desejos.

Os seres elementais são os espíritos da natureza. Eles se dividem em quatro grupos principais: o do elemento fogo, ao qual pertencem as salamandras; o do elemento água, o qual pertencem as ondinas; o do elemento terra, o qual pertencem os gnomos; e o elemento ar, o qual pertencem os silfos

A cada um desses grupos corresponde um domínio e uma qualidade. As salamandras governam o fogo e os vulcões e estão vinculadas à ação; as ondinas governam todas as fontes de água, como os mares, os rios e as cachoeiras, e estão vinculadas à emoção; os gnomos governam os reinos mineral e vegetal e estão vinculados à capacidade de realização; os silfos, governam os ares e as ventanias, estão vinculados à inteligência. Ao serem invocados, os elementais se dispõem a atender nossos pedidos, obedecendo às nossas instruções e ajudando a criar as condições necessárias à concretização dos nossos desejos. 

Para entrar em contato com esses seres, forre uma mesa com uma toalha branca. Sobre ela, faça um círculo com um cristal de quartzo branco, um citrino, uma granada, um quartzo rosa, uma pirita, uma água-marinha e uma esmeralda que não tenha sido lapidada. No meio desse círculo, coloque um boneco representando um gnomo. Acrescente ao altar um punhal que nunca tenha sido usado, uma vela branca acesa, um copo com água, um vaso com flores e algumas frutas. Então, faça a seguinte invocação: Hosana sobre a terra, Hosana sobre o ar, Hosana sobre a água, Hosana sobre o fogo. Hosana sobre os quatro elementos. Que seja bendito aquele que vem em nome de Adonai. Quando terminar a oração, visualize raios de luzes dourada e violeta envolvendo o altar. Então, faça um pedido em voz alta. Agradeça às salamandras, às ondinas, aos gnomos e aos silfos e coloque uma moeda ao lado do gnomo. 

Durante uma semana, coloque diariamente uma moeda ao lado do gnomo. Assim que completar sete dias, pegue todas as moedas e as entregue para um mendigo na rua. Retire as frutas e as flores quando estiverem secas e enterre tudo. Repita o ritual sempre que quiser ou precisar.

Não deixe de seguir Claudiney Prieto e Brendan Orin no Instagram!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *